<$BlogRSDURL$>
gaveta
30.6.05

hoje queria estar ASSIM

mas estou mais assim



29.6.05

porco doce
sem dono nem trela
sem rei nem roque
coração de pedra
a comer um bitoque
deitado na relva
sem pensar em mais nada
a sorrir para mim
ao ver-me afogada


estou-te a ver
sentado no banco da cozinha, mudo de regojizo, com bigodes de leite a sorrir para mim


leva-me daqui, leva-me e vamos e não me tragas mais, e volta-me e deita-me e ama-me ou deixa-me e bate-me e parte-me para que saiba que todo o tempo que estive sem ti não foi perdido.


se lá chegar
acho que vou ser uma velha feliz


A good imagination unfortunately also makes for vivid nightmares


Please God! Not ANOTHER learning experience!


ou melhor, este. assim mesmo como está.


quero um destes para mim, com perfume e tudo


dêe-me tertúlias noite fora, fumo de cigarro e bagaço barato numa cave escura, reuniões e conspirações, dêe-me o pequeno almoço às quatro da tarde numa esplanada escondida, dêe-me poesia instantânea e dêe-me café frio e cigarrilhas, um génio despenteado e um colchão no chão, filosofia e devaneios, utopias e tinta permanente, porteiras e sardinheiras e pão de ontem sem querer saber, casamentos à chuva na cidade de deus e frases obscuras à luz do dia. o enigma e a insónia, a revolta e a guerrilha, o idealismo durante a viagem num banco de jardim. poetas e pintores e músicos e inúteis, pastores e pensadores, bicicletas e elevadores. tirem-me os medos e dêe-me lutas.


sentimento de ontem:
MAS ERA SUPOSTO EU NÃO ME IMPORTAR COM ISSO???


da série "frases que não impõem qualquer respeito":
passa-me o corta-unhas


Miss Universo
até aos 37 anos as suas tardes eram passadas em centros comerciais, à espera de ser descoberta por uma agência de modelos. e mesmo depois disso interrogava-se sempre se eles não iriam lá só de manhã.
se isto não é fé, não sei o que lhe chame.

20.6.05

LAVRAR?
haverá alguma coisa pior do que um fogo a LAVRAR? pegou moda há uns anos e desde então as labaredas têm-se mantido ocupadas a lavrar. acho que lavram tanto porque dizem que elas lavram tanto como lavram.

19.6.05

inferno
depois de uma manhã infernal a desinstalar programas sem querer e a perder montes de ficheiros com que queria ficar e que demorei séculos a conseguir, a tentar adicionar mariquices de músicas e fotos aqui à gaveta, DESISTO. fico-me por aqui e pelo texto, não há links para ninguém e não vou tentar sequer alindar o sítio. pelo menos por agora, até algum dia ter paciência ou quem me guie pelo labirinto. o mundo vai ficar a saber menos sobre mim e eu vou desfrustar-me prá praia.

16.6.05

Registe-se!
Fica aqui dito ao mundo e aos de mais que ainda não postei nada aqui porque os altos comandos ainda não me deram descanso. ESCREVA-SE!

14.6.05

tanto tanto tanto
passei horas sem fim a pensar o que cá deixaria escrito e agora estou cansada de mais para postar. isto vai em fase embrionária, ainda não chegou a gaveta, é mais um bolso. tratarei de deitar para cá mais coisas assim que...


cheguei
ainda ontem estava em frança e agora já estou cá! Mentira... (começas bem...)

Elvis has entered the building.


 

Web Site Counter